inicio / blog

Blog

Gozar ou não gozar, eis a questão

09 mar

Em qualquer relação sexual o alcance do gozo e do clímax depende muito de cada pessoa, mas e se esse alcance não for assim tão fácil?

Para muitas mulheres, o “conseguir gozar” pode ser muito trabalhoso e ás vezes até difícil de ser alcançado.  Lembrando que a estimulação feminina vai muito mais além de uma fricção de clitóris, a cabeça precisa estar em sintonia com o momento, o ambiente precisa estar dentro de algo prazeroso, onde quer que ele seja: sua cama, motel e por que não em um carro?.

Gozar para mulher está mais além do que uma boa penetração, você precisa se sentir desejada, amada, sentida, devorada, seja qual forma for essa! Este momento está totalmente relacionado com nossas fantasias, vontades e desejos; e quando você encaixa isso com um sexo gostoso… humm… o clímax é apenas uma consequência, acredite!

Hoje não temos uma formula secreta, nem receita mágica, a diferença está em se conhecer e explorar quais coisas te dão prazer…

Uma relação sexual saudável, nada mais é do que a troca de prazer mútua, a qual os dois devem estar dispostos a receber e dar prazer. Não nascemos sabendo como fazer um bom sexo, nós aprendemos: falando, mostrando, se tocando e principalmente buscando ou trocando informações.

Sexo além de troca de fluídos é troca de vontades e desejos mais internos… e o seu prazer merece toda a sua atenção…


mm
Tatiane Marili Pereira Machado

Psicóloga formada pela PUC-PR, Consultora A sós ( Sex Pin Up – Seu espaço sensual).

Email Facebook

Veja também

Comentários


Receba novidades por email